Diálogos com a sociedade

http://www.revistaea.org/pf.php?idartigo=3686

O Programa desenvolve atividade de pesquisa e extensão denominada Estudos Sócio-Ambientais Costeiros (ESAC), junto aos comunitários costeiros da Zona Bragantina, por meio de pesquisas que objetiva dialogar com a sociedade local sobre temas relacionados a gênero e recursos socioambientais costeiros em áreas de RESEX (Reserva Extrativista).

 

Ação Interdisciplinar (Lançamento do Volume 1: Ecologia Costeiro-Estuarina e os Saberes Pesqueiros Locais da coleção de cartilhas DA PESCA À ESCOLA), entre os grupos de estudos da UFPA/Bragança ESAC, GUEAM e Laboratório LABPEXCA, na Escola Domingos de Sousa Melo, Vila do Bonifácio – Ajuruteua – Bragança (PA).  A proposta de construção deste material didático-pedagógico voltado para pessoas de diferentes idades, sobretudo para crianças e jovens, surgiu a partir de um conjunto de atividades de ensino, de pesquisa e de extensão desenvolvidas pelo grupo de pesquisa ESAC – Estudos Socioambientais Costeiros da Universidade Federal do Pará/Campus de Bragança, na Amazônia Oriental.

 

O PPLSA realiza Pesquisa e Extensão com jovens negros e negras da Amazônia paraense, por meio do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros – NEABs (Núcleo de Estudos sobre Formação de Professores e Relações Étnico-Raciais – Núcleo GERA), com o intuito de criar e fomentar práticas que se inspiram na cosmogonia afro-brasileira e africana, em todas as áreas de conhecimento e disciplinas escolares, para contribuir na formação de cidadãos mais críticos.

 

O Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Educação, Currículo, Formação de Professores e Relações Étnico-Raciais (NEAFRO/UFPA), desenvolve estudos historiográficos sobre currículo, formação de professores e relações na Educação na Básica e no Ensino Superior. Realiza pesquisas sobre as histórias, tradições, memórias e identidades em Comunidades Tradicionais, bem como desenvolve projetos sobre ações afirmativas, lutas históricas e resistências dos movimentos sociais negros.

 

Realiza também Pesquisa e Extensão em Comunidades Tradicionais e Costeiro sobre O uso das Tecnologias Assistivas (TA) para Professores da Educação Escolar Quilombola e Pesqueira, com objetivo de proporcionar/ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e consequentemente promover vida independente e inclusão.

  

O Grupo de Estudos e Pesquisa em Trabalho e Educação – GEPTE/Sessão Infâncias desenvolve Pesquisa e Extensão em Comunidades Costeiro da Amazônia bragantina direcionadas para combater o trabalho infantil, crianças em situação de vulnerabilidade social e atividades para famílias a respeito do direito de crianças ao brincar e de proteção, bem como atividades de contação de história para crianças e adultos.


O PPLSA realiza o Projeto Quartas de Pesquisa com objetivo de apresentar as pesquisas desenvolvidas pelos mestrandos do Programa à comunidade acadêmica (professores, alunos da graduação/pós-graduação e egressos), com vista a dialogar sobre o referencial teórico e metodológico.

 

 PROLIN - FALE Bragança/UFPA

A Faculdade de Letras (FALE), da Universidade Federal do Pará – Campus Bragança, realiza a Proficiência em Leitura em Língua Inglesa para os candidatos a Programas de Pós-Graduação stricto sensu (Mestrado e/ou Doutorado).

Mais informações no site e contatos abaixo: Site: http://prolin.org/

Telefone: (91) 3425-1593 ramal 292, no horário de 8h00 às 18h00

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Acesso ao Edital: Clique aqui

Diálogos interdisciplinares com a sociedade

 

O Programa desenvolve atividade de pesquisa e extensão em Estudos Socioambientais Costeiros, junto aos comunitários costeiros da Zona Bragantina, com vista a dialogar com a sociedade local sobre gênero e recursos socioambientais costeiros em áreas de Reserva Extrativista em ação Interdisciplinar entre grupos de estudos e pesquisas da UFPA/Bragança (ESAC, GUEAM e Laboratório LABPEXCA). 

 

Ação interdisciplinar e interinstitucional entre grupos de estudos e pesquisas, através do GEIPAM/UFPA, Instituto Federal do Pará, Campus Bragança e a Imprensa Oficial do Estado do Pará, por meio da série “saberes e patrimônio cultural da Amazônia”, conjunto de matérias didáticos e paradidáticos, filmes e sites interativos sobre os saberes dos povos da floresta.

 

Pesquisa e Extensão com jovens negros e negras da Amazônia paraense, por meio do Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros – NEAB e o Núcleo de Estudos sobre Formação de Professores e Relações Étnico-Raciais – Núcleo GERA, com o intuito de criar e fomentar práticas que se inspiram na cosmogonia afro-brasileira e africana, em todas as áreas de conhecimento e disciplinas escolares, para contribuir na formação de cidadãos mais críticos. Desenvolve, ainda pesquisa e Extensão em Comunidades Tradicionais e Costeiro sobre Tecnologias Assistivas, visando proporcionar/ampliar habilidades funcionais de pessoas com deficiência e consequentemente promover vida independente e inclusão.

 

Pesquisa e Extensão em Comunidades Costeiro da Amazônia bragantina direcionadas para combater o trabalho infantil, crianças em situação de vulnerabilidade social e atividades para famílias sobre o direito de crianças ao brincar e de proteção, bem como atividades de contação de história para crianças e adultos, realizadas pelo GEPTE/Infâncias. 

 

O Programa desenvolve atividades de pesquisa e extensão por meio do GUEJA e a Cátedra Paulo Freire, voltadas para a Educação de Jovens e Adultos, Educação do Campo, classes multisseriadas e Educação Inclusiva nas múltiplas realidades Amazônica. Além de palestras nas Escolas Municipais de Ensino Fundamental, Formação para professores promovida pelas Secretarias de Educação Municipais.

 

Os projetos também possuem forte aplicação socioambiental, capacitação e contribuição a políticas públicas e privativas com respeito a monitoramento, manejo e preservação dos recursos naturais e ambientais em área de manguezal e estuarino-costeira como os projetos: Os Recursos Ambientais nos Manguezais da Resex-Mar Caeté-Taperaçu e Desafios Sociopolíticos da Gestão da Água e Governança Territorial.

 

Projetos interdisciplinares de impacto social 

Projeto Nas Teias da Amazônia: Sujeitos, Identidades, Territorialidades, Linguagens e Diversidades no PROCAD - PROGRAMA NACIONAL DE COOPERAÇÃO ACADÊMICA NA AMAZÔNIA, Edital n° 21/2018 CAPES, Linha 2.  O projeto envolve Programas de Pós-Graduação da Região Norte, representados PPLSA/UFPA como proponente e o PPGSAQ/UFOPA como associado 2 e o PPGL/UNIOESTE-Paraná, da Região Sul como associado 1.

Projeto Aspectos Epidemiológicos das Infecções pelo HBV e HCV em usuários de Drogas Ilícitas nos Estados do Amapá e do Pará, Norte do Brasil, financiados pelo Ministério da Saúde/Secretaria de Vigilância em Saúde (MS/SVS), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). 

 

Projeto Saberes e memórias: O Serviço de Proteção ao Índio e a presença Afroindígena na Amazônia, financiado pela Universidade Federal do Pará (UFPA).

Projeto O processo de interação Universidade-Empresa no Setor Pesqueiro Amazônico e os desdobramentos sobre a sustentabilidade da atividade, financiado pela Universidade Federal do Pará (UFPA).

 

Grande leque de pesquisas direcionados para as linguagens e saberes em comunidades tradicionais, indígenas e costeiras da Amazônia, com foco no Trabalho e Infâncias, Educação do Campo, Educação de Jovens e Adultos, Currículo, Formação Docente e Relações Étnico-Raciais, bem como estudos relacionados a Teoria Literária, Literatura Comparada, Literatura brasileira de expressão Amazônica, Imigração, Imagens, Narratologia e os Grandes Projetos da Transamazônica. Estudos Socioambientais Costeiros, recursos ambientais nos manguezais da área de Reserva Extrativista, hábitos alimentares e conflitos na Amazônia, relações de gênero, saberes da Amazônia, Etnologia Indígena e Sustentabilidade do Setor Pesqueiro Amazônico.